http://www.viagememcena.com/wp-content/uploads/2012/02/viagem-em-cena-logo.jpg

Para quem acha que para viver o melhor do esqui é preciso viajar para a Europa está muito enganado. Nesse post eu conto um pouco sobre a minha experiência na estação de esqui do Valle Nevado, que oferece uma estrutura ótima garantindo diversão para os mais diversos tipos de praticantes.

Já no caminho desde Santiago, cerca de 60km de distância, a paisagem já deslumbra e te deixa com mais vontade de esquiar. É possível ver até algumas pessoas que param antes, em pontos com muita neve, para brincar escorregando sentado em cima de suportes de plástico.

Caminho para o Valle Nevado Caminho para o Valle Nevado

Mas o ponto chave do passeio fica mesmo na curva 17. É lá que o Valle Nevado abre suas portas com uma área destinada para o aluguel de roupas, equipamentos e registro das informações de cada visitante. Esse  registro inicial é muito importante porque possui dados como peso, altura e nível de conhecimento de esqui, essenciais para saber qual o equipamento ideal para cada tipo de perfil. As roupas para alugar são ideais para a prática de esqui, pois tem tecnologia para cortar o vento, evitar que a neve entre por debaixo da roupa e, é claro, te proteger do frio, pois no inverno, as temperaturas são quase sempre negativas. Há ainda, para quem deseja comprar as roupas ou até mesmo uma lembrança da estação de esqui, o terraço Boulevard com diversas lojas.

Valle Nevado Valle Nevado

Valle Nevado

A estação possui 41 pistas para todos os níveis de participantes. Desde as mais curtinhas para quem ainda está nos primeiros passos como eu, até as mais desafiadoras com até 16 km e bem íngremes. Como eu nunca tinha esquiado na minha vida, precisei mais ainda de uma ajudinha de um dos professores do Valle Nevado. Há aulas para variados níveis de conhecimento, então fiz uma aula coletiva para iniciantes e percebi que foi mais difícil do que eu imaginava. Foram duas horas de ensinamentos e, depois de muitos tombos e risadas, até que eu acho que me saí bem. Quase uma profissional, rsrsrsrs. Depois optei por ficar me divertindo só na pista menor mesmo, que disponibiliza uma rampa para a subida facilitada.

Valle Nevado

Valle Nevado Esquiando no Valle Nevado

Valle Nevado

E, nos 25 anos da estação de esqui Valle Nevado, algumas novidades foram implantadas para facilitar a vida de quem vai curtir o passeio. As gôndolas fechadas que levam até seis pessoas com espaço exclusivo para guardar os equipamentos é uma delas. O teleférico parte da Plaza de la Gôndola, entrada principal na curva 17 até o restaurante Bajo Zero, onde aproveitei para almoçar no intervalo das descidas no esqui. Para matar a fome bem pertinho da pista em que eu estava, um sanduíche de churrasco com molho de abacate (muito comum no Chile) junto com batatas e refrigerante de acompanhamento. Outra novidade é a escola de neve que ensina os pimpolhos de quatro a nove anos a se aventurarem na prática do esqui.

Gôndola do Valle Nevado Gôndola Valle Nevado

Restaurante Bajo Zero Restaurante Bajo Zero

O Valle Nevado também conta com três ótimos hotéis, Hotel Valle Nevado, Hotel Puerta del Sol e Hotel Três Puntas. Infelizmente não pude me hospedar em um deles porque fui um pouco antes da abertura nesta temporada, em 28/06. Então parti de Santiago e fiquei um dia inteiro lá.

Valle Nevado

Valle Nevado

Valle Nevado  Valle Nevado

Achei interessante saber também que há atividades no verão. São passeios à cavalo e caminhadas para curtir o visual da Cordilheira dos Andes que dispensa comentários.  Com um pouco de sorte, indo até o alto das montanhas, é possível ver os glaciares e também um lindo pôr do sol.

Dicas:

Tome muito cuidado ao caminhar e, principalmente, descer ou subir escadas com as botas de esqui. Andar com elas é bastante difícil, pois são grandes e duras. A altitude também faz com que você canse mais rápido com pequenos movimentos. Por isso, segure bem os corrimãos, ande devagar e evite movimentos bruscos.

Sugiro que você não alugue carro para chegar à estação de esqui. A estrada tem muita neve e curvas demandando muita habilidade e conhecimento do motorista, além de correntes nos pneus, dependendo do tempo. O ideal é ir com alguma empresa especializada, como a Ski Total que tem saídas regulares na temporadas de esqui, entre 08:00 e 08:30 da manhã ou reservar com o próprio Valle Nevado mesmo.

Para curtir um dia de esqui é necessário comprar os tickets de acesso às pistas, tickets para a aula, além do aluguel de roupas e equipamentos e o seu almoço ou lanche. Fazendo uma conta aproximada, o valor desses itens somados fica em torno de R$450,00 por pessoa que, na minha opinião, compensa a experiência maravilhosa de esquiar. Confira a tabela atualizadas de preços e os dias de funcionamento no site oficial do Valle Nevado.

E para ajudar no bolso, confira sempre as promoções, os combos (do tipo aula + aluguel de equipamentos + entrada) ou parcerias como a do banco Itaú que facilitam bastante a economizar.

Prefira ir ao Valle em dias de semana que são menos cheios e com preços melhores.

* Agradeço a cortesia oferecida pela B4t e o Valle Nevado para a entrada no parque, aluguel de roupas e equipamentos ao Viagem em Cena.

*Agradeço a equipe do blog Nós no Mundo que me ajudou com dicas sobre o Chile e, em especial, sobre o Valle Nevado.

 

Viciada assumida em viagens. Turismóloga, especialista em Jornalismo Cultural e doutoranda em Comunicação. Em suas andanças, sempre busca conhecer as diversas culturas e se encantar com os mais belos cenários.

Facebook Twitter  

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

  • Olá Thaís. Primeiro que tudo te quero felicitar pelo blog! Muito bom mesmo!
    Te escrevo pois também sou turismólogo e tenho um blog de informacoes relacionadas com turismo, só que aqui no Chile 😀 (www.indoprochile.com). Gostaria de propor uma parcería entre seu blog e meu blog. Estou procurando blogs e paginas que tenham a nossa mesma missao (informar) para gerar uma parceria de link entre as paginas, por isso pensei em voces. O que voce acha?
    Aguardo a sua resposta.
    Um abraco,

    Diego Casado.

  • Transfertour

    excelente nota para dizer vale nevado de experiência de viagem montanha ea beleza desse dom de Deus. Seguir o conselho e chegou a visitar o Chile, onde amamos nossos amigos brasileiros. nossa empresa realiza esta maravilhosa viagem com taxas baratas, veículos e motoristas qualificados

  • Oi Diego, obrigada pelo comentário. Te respondi por e-mail. Abs!

  • Gleson Gurgel

    Olá Thaís,

    É melhor comprar o peso chileno aqui no Brasil ou lá em Santiago?

    Grato pela atenção,

    Gleson

  • Oi Gleson. A cotação aqui no Brasil é ruim e muito difícil de encontrar, mas acabei caindo nessa furada. Troquei em São Paulo, cerca de R$1000.00 para duas pessoas. Troco sempre bem pouco porque prefiro usar o Visa Travel Money para tirar dinheiro no caixas eletrônicos, pois acho mais vantajoso. Se você for trocar dinheiro mesmo, recomendo você procurar uma casa de câmbio fora do aeroporto que, em geral, é mais barato. Abraços!

  • Mariana Alves

    ola, vc saberia me informar se clientes itau ainda possuem descontos? vou ficar hospedada ai no valle mesmo, compensa alugar os equipamentos ai? a roupa eu tenho…obrigada

  • Oi Mariana, tem sim. O aluguel de equipamentos é caro, mas não se diferenciavam muito dos outros lugares que eu vi não. Então acho que vale a pena.