http://www.viagememcena.com/wp-content/uploads/2012/02/viagem-em-cena-logo.jpg

Viajar pode ser mais barato do que você imagina. Mas, para isso o planejamento prévio é bem importante. Controlando bem os gastos e seguindo algumas dicas para economizar, fica mais fácil curtir a viagem sem se preocupar com as contas depois que retornar. Então, fique atento e não dê bobeira. Assim, você terá a oportunidade de viajar mais vezes.

A escolha do destino

México, Equador, Islândia, Fernando de Noronha e Chapada Diamantina são alguns dos destinos que estão na minha lista de grandes desejos. No entanto, há muitas outras incríveis possibilidades e, por isso, gosto de dizer que viajo por oportunidade. Quero aproveitar a maior parte do tempo em que não estou trabalhando para descobrir novos lugares, relaxar e me divertir respirando outros ares. Por isso, ainda que eu queira muito conhecer esses destinos, eu não vou ficar aguardando até que seja possível realizar esse objetivo. Eu simplesmente viajo para lugares que eu também curto, mas que são mais oportunos no momento.

Explicando melhor. Quando há uma junção de boas oportunidades, como lugar que eu gosto, promoção de passagens para lá, tempo de férias ou folgas suficiente para conseguir conhecer com calma o destino, hospedagem barata, atrações acessíveis, etc, é só correr para o abraço e ser feliz. E, assim fui viajando e conhecendo lugares maravilhosos que, por vezes, superaram as minhas expectativas. Mas, é claro que se for possível, os destinos preferidos passam na frente.

Agência X Você

Muitas pessoas ainda tem dúvidas sobre qual é a melhor forma de viajar. Se buscando assessoria de uma agência ou planejando sua viagem de forma independente. Há também a possibilidade de mesclar essas duas opções. No caso da assessoria da agência, em geral, o preço pode ser mais alto. Porém, é muito mais prático e confortável viajar com tudo planejado por quem manja do assunto. Isso evita muitos imprevistos, ainda que esta não seja uma garantia de que tudo correrá bem. Por outro lado, planejar sua viagem te possibilita uma autonomia bem maior. Você pode escolher a hospedagem que quiser, as atrações que quiser, as datas que quiser, enfim, você (e quem te acompanhar, se for o caso) é quem decide tudo. Nesse caso, você pode escolher os serviços turísticos de acordo com o seu perfil, bolso e tempo disponível. Ainda que muitas agências trabalhem com pacotes mais personalizados, geralmente ainda há certas restrições em função das parcerias que elas tem com os fornecedores – hotéis, atrações, companhias aéreas, etc. Eu gosto de elaborar meu próprio roteiro, mas também utilizo bastante agências de receptivos, aquelas localizadas no próprio destino, para fazer alguns passeios. Também utilizo muito as agências online, como a Booking. com para comparar preços e reservar hospedagem.

A compra da passagem

Como mencionei antes, curto muito aproveitar as promoções na hora de escolher o próximo destino das férias. E, para ficar antenado nos preços baixos das passagens aéreas, a dica é se cadastrar em sites especializados neste ramo. Indico o famoso melhoresdestinos. com.br, que nos deixa muito bem informados sobre as promoções e passagenspromo .com.br. Há, ainda, buscadores ótimos de passagens, como o skyscanner. com.br e o kayak. com.br. Nesses sites, você pode fazer buscas bem flexíveis, sem ao menos precisar colocar o destino específico. Por exemplo, você pode inserir sua cidade de partida no campo origem e no campo destino inserir “qualquer lugar”. O buscador te apresentará uma lista com vários destinos na ordem dos menores aos maiores preços. Eles também possibilitam realizar uma busca pelo período de um mês, o que facilita muito a vida de quem tem flexibilidade com as datas. Outro recurso ótimo é o do alerta de preços. Ao se cadastrar nesses sites, você pode optar por registrar um percurso para que eles te informem quando o preço da tarifa baixar. Vigilância total das passagens. 😉 Por fim, você deve também fiscalizar o site das companhias, se cadastrar nos programas de fidelidade para acumular milhas e participar das promoções que rolam nas redes sociais dessas empresas.

Sua hospedagem e o transporte interno

Antes de reservar a hospedagem, é preciso traçar seu roteiro. Verifique as melhores opções para o transporte interno, o percurso mais prático e que otimize seu tempo. Gosto de me deslocar de transporte público mesmo, ônibus, metrô, trem, para economizar e ter mais aproximação com a população local. Porém, em alguns casos, essas opções preenchem um tempo muito grande de viagem e você pode acabar perdendo oportunidades de passear. Portanto, às vezes, pode ser mais interessante alugar um carro ou pegar um táxi, ainda que seja mais caro. Ao traçar a rota, tente não incluir muitas cidades e atrativos para visitar, pois é legal curtir os destinos com mais calma para se divertir, relaxar e não se estressar.

Traçado o roteiro, pesquise a sua hospedagem de acordo com o seu perfil. Hotéis e resorts são bem confortáveis, porém com preços mais elevados. As pousadas, os hostels e a hospedagem domiciliar são boas opções para economizar nesta parte da viagem. Faça uma busca por preços e categorias em sites como o Booking. com, trivago. com.br, agoda. com. O site airbnb. com oferece hospedagem domiciliar com preços variados, já o Couchsurfing. com e o hospitalityclub. com são redes sociais de viajantes que possibilitam trocas e parcerias gratuitas, como se hospedar no sofá de algum morador do destino para interagir mais com a cultura local. Para quem tem energia e disposição, há plataformas que incentivam a troca de hospedagem por serviços diversos, como tomar conta dos animais de estimação de alguém, o chamado house sitting. Muitas dessas plataformas, contudo, cobram taxas anuais em dólares para o cadastro. Em todas essas opções não deixe de ler as avaliações dos viajantes que já se hospedaram nesses locais, elas são informações muito importantes para evitar surpresas na hora da viagem. Eu costumo valorizar muito as notas referentes à localização e limpeza. Estar perto das principais atrações otimiza seu tempo e diminui os custos com transporte e a higiene é essencial sempre.

Dica top: se você usar a caixinha de reserva do Booking. com que fica na barra lateral desse blog, você contribui com a blogueira aqui a continuar te passando muitas dicas legais. E o melhor, sua reserva não sai mais caro por isso, nem um pouquinho. 😉

Quais atrações curtir

Esqueça as listas de atrações obrigatórias em qualquer lugar. Liberte-se e seja feliz! Escolha você os lugares que tem vontade de visitar, mesmo se eles não forem muito famosos. Quem disse que para conhecer algum lugar de verdade é preciso passar por tal lugar? A viagem é sua e você faz dela o que quiser. Mas, para economizar, pesquise se na cidade há opções de passes ou ingressos no estilo combo, você paga um valor mais baixo para visitar vários locais. Na Europa há muitos passes para visitar museus, por exemplo. Você ainda pode entrar sem precisar ficar em filas, em muitos os casos.

Trocando dinheiro

Cartão ou dinheiro? É sempre bom ter os dois. Ao planejar uma viagem ao exterior, esteja sempre atento às taxas de câmbio e compare preços. Gosto de fazer uma busca no site exchangemoney. com.br ou outros similares para verificar as melhores cotações e também acompanho as notícias para ter uma ideia se poderá haver alguma variação cambial muito grande. Acontecimentos de grande importância nacional, como mudança de líderes políticos, costumam influenciar muito os valores das moedas. Quanto ao cartão de crédito, faça sempre um cálculo dos gastos com os impostos, pois pode mudar muito o valor do produto. E, lembre-se que o câmbio calculado é o do dia do pagamento da fatura. Por essa razão, muitas pessoas preferem usar cartões de débito que, apesar de também cobrarem taxas e impostos, o câmbio calculado é o do dia da compra.

Alimentação

Adoro conhecer um pouco mais sobre a cultura local por meio das comidas típicas. Para mim, ir a um restaurante legal é mais uma atração. Mas, nem sempre é possível frequentar bons restaurantes, pois muitos deles são caros. Então, pesquise dicas de lugares bons e baratos em blogs e sites de avaliações, como o TripAdvisor. com. Também não hesite de, vez ou outra, comprar comida nos supermercados. Muitos deles vendem refeições prontas a um valor bem mais barato que o dos restaurantes.

Preparando a documentação

Procure saber quais documentos o destino a ser visitado exige para os visitantes. Passaporte, visto, vacinas? No caso das vacinas é necessário tomá-las com antecedência para que faça efeito. Para a entrada em alguns países, a emissão do visto pode ser bem cara e requer muitos procedimentos, como entrevistas e comprovação de hospedagem no local. É preciso pensar também no seguro saúde para se resguardar ou mesmo para cumprir exigências de alguns países. Se for viajar com animais de estimação a documentação requerida é ainda mais complexa e cara. Entre sempre em contato com o consulado antes de fazer as malas.

Contabilizando os gastos

Para não ter grandes surpresas após a viagem, procure sempre contabilizar todos os seus gastos. Gosto muito de usar as tradicionais planilhas de excel para isso. Divido os gastos por categorias como hospedagem, passagens, atrações, alimentação, etc.  Pode até ser que o valor final mude, mas se bem controladas, suas despesas não serão muito diferentes. Quando a viagem ainda está um pouco longe, gosto de ir pagando os serviços aos poucos. Em um mês pago a passagem aérea, em outro pago alguns hotéis, em outro troco dinheiro. Assim, quando volto de viagem, geralmente não há dívidas e já posso pensar nas próximas. 😀

 

Além de todas essas dicas, tente administrar bem o seu dinheiro para conseguir guardar um pouco por mês, de acordo com as suas possibilidades é claro, e juntar uma grana legal para não se enrolar com dívidas. Se você também tem dicas para economizar nas viagens, escreva nos comentários para que outros viajantes possam se beneficiar também. Boa viagem!

Viciada assumida em viagens. Turismóloga, especialista em Jornalismo Cultural e doutoranda em Comunicação. Em suas andanças, sempre busca conhecer as diversas culturas e se encantar com os mais belos cenários.

Facebook Twitter  

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Categories: Dicas